25.5.2015 – 11:10

A Agência Nacional do Cinema (Ancine) e o Banco Regional de Desenvolvimento Econômico do Extremo Sul (BRDE) anunciaram novos investimentos do Programa Brasil de Todas as Telas em seis projetos de longas-metragens para as salas de cinema, contemplados em três chamadas públicas do Programa. Os longas-metragens selecionados receberão, ao todo, R$ 6,05 milhões, em recursos do Fundo Setorial do Audiovisual.

Pela Chamada Prodecine 02/2013, de apoio à produção cinematográfica via distribuidoras, foram contemplados dois longas de ficção (Que horas ela volta, de Anna Muylaert, apresentado pela Pandora Filmes; e O Caseiro, com direção de Júlio Santi, apresentado pela Europa Filmes) e um de animação (Tarsilinha, com direção de Célia Catunda e Kiko Mistrorigo, apresentado pela H2O).

A Chamada Pública Prodecine 03/2013 contemplou nesta operação os filmes Beira-Mar, de Felipe Maltzembacher e Márcio Reolon, produzido pela Avante Filmes; e Os Maias (Alguns) Episódios da Vida Romântica, de João Botelho, produzido pela Raccord Produções Artísticas e Cinematográficas. Ambos receberão R$ 200 mil para investimentos na comercialização.

Pelo Prodecine 04/2013, que oferece aportes para a complementação de recursos necessários à viabilização dos projetos, o longa de animação Peixonauta – O Filme, dirigido por Kiko Mistrorigo e Célia Catunda, derivado da série de TV e produzido pela PG Produções de Cinema, Vídeo e TV, receberá apoio de R$ 800 mil.

Confira abaixo as fichas técnicas dos novos projetos contemplados:

PRODECINE 02/2013
Projeto: Que horas ela volta
Proponente/Distribuidora: Pandora
Produtora: África Filmes (SP)
Direção e Roteiro: Anna Muylaert
Valor investido pelo FSA: R$ 1,2 milhão
Sinopse: Depois de deixar a filha no interior de Pernambuco para buscar trabalho em São Paulo, Val passa 15 anos como babá do menino Fabinho, ao mesmo tempo em que convive com a culpa por não ter criado sua filha Jéssica. No entanto, às vésperas do vestibular de Fabinho, Val recebe uma ligação de Jéssica que parece ser sua segunda chance. Ela quer apoio da mãe para vir a São Paulo prestar vestibular. A chegada da adolescente à casa dos patrões de Val desequilibrará todas as relações.

Projeto: O Caseiro
Proponente/Distribuidora: Europa Filmes
Produtora: Nexus Cinema e Vídeo (SP)
Direção e Roteiro: Júlio Santi
Valor investido pelo FSA: R$ 650 mil
Sinopse: Suspense que conta a história de Davi, um cético professor de psicologia, famoso por escrever um livro que explica aparições sobrenaturais por meio da psicanálise. Após anos sem atender pacientes, ele, com o intuito de escrever um novo livro, viaja para uma cidade do interior para investigar a história de um homem que acredita que sua filha está sendo assombrada pelo fantasma do antigo caseiro de sua propriedade, que se suicidou.

Projeto: Tarsilinha
Proponente/Distribuidora: H2O
Produtora: PG Produções de Cinema, Vídeo e TV (SP)
Direção: Célia Catunda e Kiko Mistrorigo
Roteiro: Fernando Salém e Marcus Aurelius Pimenta
Valor investido pelo FSA: R$ 3.000.010
Sinopse: Tarsilinha está em sua casa, em um momento de aconchego com sua mãe. O repentino aparecimento da Lagarta é o primeiro grande plot point da narrativa. Ao ver que a memória de sua mãe foi roubada, Tarsilinha se vê forçada a se lançar na aventura em busca da Lagarta. Ela entra em um mundo fantástico, povoado por estranhos seres, onde ela terá que encontrar aliados e enfrentar inimigos. Superada a crise e o susto iniciais, a guerreira em Tarsilinha desperta e as habilidades para se adaptar e usar seu julgamento vêm à tona.

PRODECINE 03/2013
Projeto: Beira-Mar
Proponente: Avante Filmes (SP)
Distribuidora: Vitrine Filmes
Direção e Roteiro: Felipe Maltzembacher e Márcio Reolon
Valor investido pelo FSA: R$ 200 mil
Sinopse: Martin e Tomaz passam um fim de semana imersos em um universo próprio. Alternando entre distrações corriqueiras e reflexões sobre suas vidas e sua amizade, os garotos se abrigam em uma casa de vidro, à beira de um mar frio e revolto.

Projeto: Os Maias (Alguns) Episódios da Vida Romântica
Proponente: Raccord Produções Artísticas e Cinematográficas (RJ)
Distribuidora: Arthouse
Direção e Roteiro: João Botelho
Valor investido pelo FSA: R$ 200 mil
Sinopse: Entre Afonso da Maia e o seu neto Carlos, constrói-se o último laço forte da velha família Maia. Formado em medicina na Universidade de Coimbra e posteriormente educado numa longa viagem pela Europa, Carlos da Maia regressa a Lisboa no outono de 1875, para grande alegria do avô. Nos 14 meses seguintes, nasce, cresce e morre a comédia e a tragédia de Carlos, assim como a tragédia e a comédia de Portugal. Baseado na obra de Eça de Queirós, a trama melodramática, divertida e melancólica aponta um destino sem remédio, tanto para a família Maia como para sua terra natal.

PRODECINE 04/2013
Projeto: Peixonauta – O Filme
Proponente: PG Produções de Cinema, Vídeo e TV (SP)
Distribuidora: RioFilme
Direção: Kiko Mistrorigo e Célia Catunda
Roteiro: Marcus Aurelius Pimenta e Marcela Catunda
Valor investido pelo FSA: R$ 800 mil
Sinopse: O longa narra uma aventura de Peixonauta e seus amigos, pela primeira vez na cidade grande e longe da segurança do Parque das Árvores Felizes. Peixonauta, Marina e Zico saem do Parque em busca do Dr. Jardim e dos primos Pedro e Juca. Ao chegarem à cidade grande encontram tudo vazio! Após investigarem melhor, percebem que as pessoas não sumiram, mas sim encolheram! Estão minúsculas e por isso a cidade parece deserta. Ao longo do filme, descobrem que a causa do encolhimento é a contaminação da água da represa, que abastece a cidade, por uma substância encolhedora. Esta substância, originalmente criada para “diminuir” o lixo espacial, caiu acidentalmente na represa causando um desastre ambiental.

Fonte: Assessoria de Comunicação/Ministério da Cultura Com informações da Ancine

Categorias: Notícias
Tags: ,

Postado por em | 0 comentários