O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), entidade vinculada ao Ministério da Cultura (MinC), entrega nesta segunda-feira (26), às 18h, a obra de requalificação da Praça Juscelino Kubitschek (a Praça JK), na cidade de Diamantina (MG). Com investimento de R$ 787 mil do PAC Cidades Históricas, foram realizadas ações de requalificação do paisagismo, inserção de mobiliário urbano, instalação de rampas de acessibilidade e alargamento dos passeios, além de higienização do Chafariz da Câmara, recuperação das balaustradas e repintura de dois bens tombados na praça: a Igreja de São Francisco de Assis e a Casa do Fórum.

Obra de requalificação da Praça JK, em Diamantina (MG), contou com investimento de R$ 787 mil do PAC Cidades Históricas (Foto: Iphan)

O projeto de requalificação da praça começou a ser executado em julho do ano passado e levou em consideração critérios como melhoramento urbano da área com condições de acessibilidade e segurança, promovendo a valorização do patrimônio cultural da cidade de Diamantina.
Patrimônio
O Centro Histórico de Diamantina foi tombado pelo Iphan em 1938 e reconhecido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como Patrimônio Mundial em 1999. A Praça JK é o ponto de convergência de sete ruas, originadas ainda no século 18. O nome da praça é uma homenagem ao ex-presidente Juscelino Kubitschek, nascido em Diamantina.
O conjunto urbanístico e arquitetônico de Diamantina encontra-se bastante íntegro, com monumentos que vão desde dos primeiros anos de ocupação, no século 18, até as obras de Oscar Niemeyer do século 20.
A solenidade de entrega, que terá a presença do diretor do PAC Cidades Históricas, Robson de Almeida, e da superintendente do Iphan-MG, Célia Corsino, será realizada na Igreja de São Francisco de Assis, localizada na praça JK.
Texto e Fonte: Assessoria de Comunicação/Ministério da Cultura/Com informações do Iphan

Salvar

Categorias: Notícias
Tags: , ,

Postado por em | 0 comentários