As características culturais de uma cidade ou região são fundamentais para o desenvolvimento do turismo local.

O Ministério do Turismo estabeleceu um Índice de Competitividade para avaliar os 65 principais destinos turísticos do Brasil. Essa avaliação atribui uma nota a 13 dimensões, entre as quais a infraestrutura geral, o marketing e os aspectos culturais.

A dimensão dos aspectos culturais abrange a produção cultural do destino associada ao turismo, a preservação do patrimônio histórico e cultural e a estrutura municipal para o apoio à cultura.


Como esta meta está sendo medida

Por meio da nota da dimensão "aspectos culturais" no Índice de Competitividade do Turismo Nacional do Ministério do Turismo em relação à nota de 2010.

 

Histórico da meta

meta 10 1

* Secretaria de Articulação e Desenvolvimento Institucional (SADI/CGPNC)

** Em 2012 e 2016, o Ministério do Turismo não realizou pesquisa.

Fonte: Nota da dimensão “aspectos culturais” no Índice de Competitividade do Turismo Nacional do Ministério do Turismo

Data de atualização: 31/12/2016

Situação atual da meta

Em 2015, a nota da dimensão “aspectos culturais” do Índice de Competitividade do Turismo Nacional foi de 64,0 pontos. Ela representa o dado mais recente divulgado pelo Ministério do Turismo (MTur) no “Relatório Brasil 2015” - documento sobre o Índice de Competitividade do Turismo Nacional que avalia o desempenho de 65 destinos indutores do desenvolvimento turístico regional. A nota do Índice teve um aumento de 14% em relação ao ano de 2010, cuja nota era 55,9.


Em 2016, o MTur não realizou a pesquisa acima citada.




situação atual meta 10

O que está sendo feito para alcançar esta meta

O MinC, Iphan, ICMBio, Fumdham e Governo do Piauí assinaram um acordo de cooperação técnica para regular e definir as atribuições específicas de cada um desses órgãos no que tange a gestão compartilhada do Parque Serra da Capivara. O acordo não prevê repasse de recursos, mas estabelece a criação do Comitê Permanente de Acompanhamento e Gestão do Parque Nacional da Serra da Capivara. O comitê se encarregará da elaboração de um diagnóstico da situação atual do parque e, em sequência, de um plano de gestão que defina ações, prazos, responsabilidades e uma previsão de custos para execução das ações.

O Iphan em parceria com a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) e o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), desenvolveu a primeira versão do Guia Brasileiro de Sinalização Turística com o objetivo de ressaltar a importância dos recursos patrimoniais como elementos que despertam interesse turístico, destacando a autenticidade e o caráter único dos sítios históricos, artísticos, naturais e arqueológicos.

A FCP em parceria com a Universidade Estadual de Alagoas (Uneal)   desenvolveu um projeto integrado de fomento às atividades turísticas da região do Parque Memorial Quilombo dos Palmares com intuito de transformar a Serra da Barriga em um núcleo de turismo afro da região (incluindo a cidade de Maceió, União dos Palmares e as comunidades quilombolas alagoana) que contará com a realização de visitas guiadas à Serra e aos ecossistemas da região.

Saiba mais:


  • sobre a nota dos aspectos culturais nos 65 destinos indutores - referente ao estudo de 2013, clique aqui.

  • sobre a nota dos aspectos culturais nos 65 destinos indutores - referente ao estudo de 2011, clique aqui.

  • sobre o Estudo de Competitividade 2011 do Ministério do Turismo, clique aqui.

  • sobre o Estudo de Competitividade 2010 do Ministério do Turismo, clique aqui.

  • sobre a pesquisa Museus e Turismo de 2014, clique aqui.


 

Veja todas as metas que também estão nos temas : , ,

Ver mais metas marcadas com as tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,