Os Planos Territoriais são os Planos de Cultura dos estados, do Distrito Federal ou dos municípios. Eles possuem um diagnóstico da cultura naquele território e um conjunto de objetivos, estratégias, meta e ações que direcionam as políticas culturais de acordo com as especificidades de cada região. O sucesso do Plano Nacional de Cultura depende do envolvimento de todos os entes federados e da sociedade. Portanto, os planos territoriais devem buscar um alinhamento com as metas do PNC. Esse alinhamento se dá por meio da adesão ao Sistema Nacional de Cultura (SNC) e da apropriação das metas do PNC em seus Planos de Cultura.

Conforme a Lei n° 12.343/2010 que instituiu o PNC, o MinC firmou durante o ano de 2012, parceria com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e a Universidade Federal da Bahia (UFBA) para auxiliar e oferecer assistência técnica aos estados e municípios na elaboração de seus Planos de Cultura.

A UFSC ficou responsável pelo apoio técnico à elaboração dos Planos de Cultura de 17 estados e a UFBA auxiliou a elaboração dos Planos de Cultura de 20 municípios, sendo 12 capitais e 8 cidades de regiões metropolitanas. Todos os entes federados envolvidos estão integrados ao Sistema Nacional de Cultura.